IEPEC - 6 dicas para o jovem profissional do Agronegócio
Artigos: 6 dicas para o jovem profissional do Agronegócio
 Tamanho das letras
Autor: Marcelo Cerutti

Fonte: Reprodução.
6 DICAS PARA O JOVEM PROFISSIONAL DO AGRONEGÓCIO
Marcelo Cerutti*

Em diferentes reuniões e treinamento que tenho participado, dificilmente passa em branco o tema Recrutamento e Seleção. O problema da qualificação da mão de obra sempre foi uma constante, contudo, hoje se não bastasse a preparação dos novos contratados, vivemos um conflito entre gerações. Segundo os especialistas esse conflito se dá pelo curto ciclo entre uma geração e outra, pelas rápidas mudanças tecnológicas, prolongamento da idade produtiva e demanda de pessoal.

O desafio está em proporcionar um ambiente criativo, inovador e produtivo entre os “baby boomers”, a “X”, a “Y” e para a geração “Z”que estão chegando. Um grande desafio!

O tema merece muita atenção e não se esgota em um artigo. Para ajudar, quero passar 6 dicas para jovens profissionais que ingressaram no mercado em 2013 ou estão chegando.

1. Tenha bons amigos. Escolha com cuidado as pessoas que farão parte da sua vida, não ande com pessoas que não vão agregar nada ao seu futuro. Como saber se seus amigos são bons? O exemplo vai ajuda-lo na escolha.

2. Pense de forma estratégica. Muitos profissionais continuam atuando como o herói dos jogos de computador, descartando oportunidades como se fossem fases do game, contudo esquecem que na vida real as atitudes têm consequências.

3. Administre expectativas. Aceitar uma oferta de emprego gera expectativas em você e na empresa que lhe contratou, por tanto, é muita responsabilidade dizer SIM. A maioria das frustrações tem origem de expectativas não atendidas, administra-las vai ajudar a entender seus limites e se adaptar mais facilmente a realidade da empresa.

4. Faça planos. Sua carreira muitas vezes inicia-se em tarefas que parecem, em um primeiro momento, irrelevantes, contudo serão fundamentais para a sua formação. Conheço grandes vendedores, gerentes e donos de revendas que começaram no estoque ou na entrega, com persistência e boa capacidade de aprendizado conquistaram degraus maiores na sua realização profissional. Hoje desempenham funções importantes nas empresas e utilizam seus conhecimentos do inicio da carreira para atingir seus resultados e liderar pessoas.

5. Não deixa as bolas murchas contagiarem você. Toda empresa têm profissionais com perfil de “sangue suga” que irão tirar suas energias com palavras do tipo: “isso não funciona”, “aqui no começo é uma maravilha depois virá uma monotonia”, “novato é assim chega empolgado, quero ver em 6 meses!”. Pessoas negativas buscam desculpas para seus fracassos e também buscam outras pessoas para se associarem, pois não conseguem agir sozinhas precisam de seus “semelhantes” para alimentar o vício de falar mal da empresa, dos colegas, do sistema... Não se associe a esses bolas murchas, busque referência nas pessoas de sucesso que atuam com otimismo. Na maioria das vezes, pessoas positivas batem meta, vendem mais, tem mais tempo de empresa, são admiradas pelos chefes. Identifique-as, aprenda com elas, mantenha distância dos negativos.

6. Desempenho X Resultado: Para exemplificar: Na prova de Turfe a diferença entre o CAMPEÃO e o segundo lugar muitas fezes não é superior a 50 cm ou a milésimos de segundos. Uma pequena diferença no desempenho trás uma enorme diferença no resultado. Vendedores campeões não chegam na loja 10 ou 15 minutos atrasado, chegam 10 ou 15 minutos antes da loja abrir, vendedores de sucesso pensam em fazer uma ou duas visitas a mais durante o dia, vendedores de sucesso projetam suas metas com 5 a 10 % a mais todos os dias. O resultado positivo não vem com grandes transformações, você não precisa fazer grandes mudanças, mais sim com desempenhos positivos todos os dias e cuidamos dos detalhes, o resultado final é muito bom. O primeiro cavalo ficou 15 cm na frente do segundo colocado. Mas o primeiro ganhou 800 mil reais e o segundo 100 mil reais. A diferença foi os 15 cm. Uma pequena diferença no desempenho trouxe uma enorme diferença no resultado.

Não existem formulas mágica para o sucesso. Mas conhecimento e persistência são ótimas companhias de viagem.

BOAS VENDA$ E SUCESSO.

*Marcelo Cerutti – Técnico Agropecuário, Veterinário e Pós graduado em Gestão Empresarial com ênfase em Marketing. Diretor da Treinamento em Vendas Agro.
Campo Grande - MS
CONTATOS: cerutti@tvendasagro.com.br
Site: www.treinamentovendasagro.com.br
Cel.: 67-3211-8380.
Últimas do colunista Artigos de: Marcelo Cerutti
Qualifique
Escolha o número de estrelas para qualificar o artigo:
 

Você ainda não votou, média atual 4.16, número de votos 23.
Compartilhe
Comentários
Nenhum comentário cadastrado.
-
Ir para página de 0

Envie seu comentário,


Monitorar os comentários

Selecionando a caixa abaixo você poderá monitorar os comentários, ou seja, receberá no seu e-mail uma notificação toda vez que alguém inserir um novo comentário. (Esta funcionalidade é somente para usuários cadastrados no sistema, clique aqui para entrar)

Receber notificação de novos comentários:



Privacidade : Mapa do site : Programa de Afiliados : Serviços
Cursos | Palestras | Softwares | Notícias | Artigos | Entrevistas | Audiocasts | Chat | Fórum | Usuários | Currículos
Copyright © 2008-2014 IEPEC - O portal do agroconhecimento